Nova Deli - India

ÚLTIMAS NOTICIAS

CURIOSIDADES

DESTAQUES

PERFIL    CONTATO    DMCA

PRIVACIDADE    TERMOS

@CLARIMNEWS.NET

© 1999 - 2022 - CLARIM NEWS - Fiel a Verdade dos Fatos. Todos os direitos reservados - Segurança e privacidade.

TURISMO

ESPORTES

VIVER A PLENITUDE

ÚLTIMAS NOTICIAS

CURIOSIDADES

DESTAQUES

PERFIL    CONTATO    DMCA

PRIVACIDADE    TERMOS

@CLARIMNEWS.NET

© 1999 - 2022 - CLARIM NEWS - Fiel a Verdade dos Fatos. Todos os direitos reservados - Segurança e privacidade.

TURISMO

ESPORTES

VIVER A PLENITUDE

25.abr.2022 às 10h42

BARROSO SURTA E OFENDE AS FORÇAS ARMADAS DO BRASIL
E A
IMPRENSA " A MÍDIA ESQUERDALHA" SE CALA COVARDEMENTE

Com mais de 50 anos de jornalismo, simplesmente, não consigo entender mais nada do que restou ou sobrou da velha República criada pelo Mal. Deodoro da Fonseca em 1889, são tantos vermes que se apoderam do corpo enfermo do Estado. Esses indivíduos nunca pensaram na Pátria, nunca defenderam a Família, nem mesmo a deles próprios, sempre criaram instrumentos nocivos a sociedade, e o trabalho deles sempre pautaram em adoecer o Estado brasileiro, são iguais as "baratas" porque essas espécies que convivem com as pessoas nas cidades transitam pelos esgotos e são vetores de doenças...

Tínhamos uma imprensa tempos atrás, anos 50/60 que era considerada "imprensa marrom" porque negava tudo, inclusive a verdade, mas quando havia pagamento pela noticia, essa imprensa maligna, projetava até a verdade dos fatos, mas como de costumes, a imprensa, sempre foi venal.

Todavia, o que estamos assistindo agora, em pleno século 21, precisamente de 2018 para cá, é uma imprensa perversa, cruel, covarde, criminosa em todos os sentidos, porque as pessoas que a dirigem são comprometidas com facções políticas e lados políticos, ou seja, pior do que isto, são repórteres e jornalistas patifes criados nos baixoas laboratórios do Comunismo,e por isso fazem de tudo, tudo por dinheiro.

Não se tem mais ética e nem compromisso com a verdade dos fatos e dos acontecimentos, pensam e agem com cinismo diabólico digno dos piores demônios, pois são frígidos, mentirosos, verdadeiros canalhas que estão a serviço do mal e na condução da Nova Ordem Mundial, são pequenos diabos a procura de engambelar e mentir com falsas reportagens, todos disfarçados de boas pessoas onde se colocam sempre como vítimas do sistema.

Hoje o Brasil está vivendo uma tremenda crise de identidade, entre outras crises, parte desta história maligna se deve aos senhores da imprensa alienada aos cofres públicos, venderam suas dignidades, venderam suas almas e hoje, são molambos da mentira e do mau caratismo, verdadeiros estrupicios da liberdade. São arrogantes e metidos a saber de tudo, dão palpites em tudo que se deparam e sempre tem uma solução para cada caso, claro que não ajudam ninguém, ao contrário, aliciam as pessoas com mentiras e bravatas.

Cadê os homens da verdadeira imprensa? Cadê os jornalistas compromissados com a verdade? Cadê os repórteres que buscavam reportagens genuinamente trazendo ao conhecimento público o conhecimento das matérias jornalísticas?

Em governos anteriores, a imprensa ainda desempenhava um papel importante, mas hoje, é uma vergonha o que esses lacaios fazem, se tornaram verdadeiros celerados, se agruparam em bando de caes dos infernos, estão divididos em súcias da imprensa porca, imunda e fedorenta, uma lástima, uma vergonha. Esses organismos da grande mídia são criminosos porque possuem o dever de informar o povo, seus leitores, mas não, ao invés disso, não denunciam mais nada porque fazem parte do sistema criminoso que envolvem políticos inescrupulosos, e magistrados ladrões e corruptos.

O País vive um verdadeiro inferno movimentado por demônios que transitam por todos os lados, onde semeam de tudo, menos o bem, este pessoal demoníaco patrocinaram no dia 20 de abril, onde a Corte Suprema, criou um TRIBUNAL DE EXCEÇÃO, para condenarem o deputado Daniel Silveira, e desta forma patrocinaram um linchamento como punição penal, jamais visto no ordenamento jurídico do Brasil.

Diante deste escárnio público televisado e transmitido pelas Redes Sociais, os togados do STF, indicados por presidentes ladrões e corruptos promoveram um patético ato teatral, onde criaram o TRIBUNAL DE EXCEÇÃO, iguais aos dos tempos da "SANTA INQUISIÇÃO DA IGREJA", onde os "padrecos e os bispitos" se colocavam como vítimas em nome da Santa Igreja, leia -se aqui o Santo STF, eles colhiam informações, processavam, julgavam e condenavam os seus desafetos a "Fogueira Santa", neste caso o Daniel Silveira.

Mas ninguém, viu uma linha sequer reproduzida pela imprensa maldita que domina o Brasil, em defesa, não do Daniel, mas da liberdade da manisfetação do pensamento: art. 220. A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto em nossa Constituição Federal.

Nada, mas nada mesmo, nenhuma defesa à favor da Liberdade de Imprensa e da manifestação do pensamento, direito sagrado de todos os seres viventes, principalmente dos homens que fomentam os meios jornalísticos, uma vergonha desta imprensa fedorenta, maldita e desgraçada feita por canalhas e desgraçados que adoram o animal filho de satanás de nove dedos, descondenado do STF.

Voltamos a repetir com todas as letras, o Brasil é Governado pelo Senhor Jesus Cristo, e jamais os adoradores de Lúcifer e de satanás, e seus pequenos demônios poderão fazer alguma coisa contra o povo brasileiro, pois Deus em sua infinita bondade, levantou Jair Messias Bolsonaro, capacitando-o para defender o seu povo, assim, diante da crueldade promovida pelos lacaios do STF, no dia seguinte, assinou
Decreto de Indulto, "Graça" em favor da LIberdade da Manifestação do Pensamento, e nesta "Graça", livrou Daniel Silveira das garras dos abutres de toga, porque o processo, como dissemos acima, se tratava de TRIBUNAL DE EXCEÇÃO, iguais aos da "Santa Inquisição".

Aqui destacamos que o Decreto da Graça simplesmente fez justiça em favor da liberdade de expressão, a livre manifestação do pensamento e de opiniões, pois está contido nos artigos 5º , 53 e 220 da Constituição Federal, parabéns ao Presidente Bolsonaro por sua intervenção em favor da combalida Constituição que os abutres de toga a cada dia golpeia-na!

Podemos não concordar com tudo aquilo que o deputado Daniel Silveira falou em vídeo, mas existe legislação que penaliza o infrator, artigos 138, 139 e 140 do Código Penal, e mais os procedimentos civeis pelos danos sofridos, isto sim, estaria se fazendo justiça, mas não com a criação do TRIBUNAL DE EXCEÇÃO, prevista no "art. 5º, XXXVII - não haverá juízo ou tribunal de exceção;" CF/1988, aqui fica o questionamento: que maldito tribunal é este que lincha os cidadãos como se estívessemos vivendo no período da "Santa Inquisição"? Para quem e a quem esta Suprema Corte "STF" estão a serviço?   

Na verdade os abutres togados do STF, está desde 2018 plantando o mal e semeando ódio e divisão entre os homens de bem. A condenação do deputado, por ofensas verbais feitas ao STF e aos seus ministros, foi muito pior, porque a violência dos togados do  STF, movida por sentimentos de ódio e de vingança contra as leis brasileiras faz com que, as pessoas abominem a justiça.

Não há, em todo o processo, nada que seja legal; sua conclusão, com um castigo que lembra a punição padrão promovidas pelos "padrecos e bispitos" durante a "Santa Inquisição", eram processados, julgados, condenados a morrer no ardente fogo da INQUISIÇÃO –, é uma violência jamais vista nas Terras de Santa Cruz.

O STF lembra bem o Tribunal de Nuremberg, em pleno século 21, cuja Corte de Justiça se tornou o "ovo da serpente", escritório de advocacia dos criminosos, verdadeiro comitê político do mal e para o mal, defensores da maldita ideologia defendida por Stalin, Marx, Lenin, Mao Tse e outros tantos malditos e desgraçados demônios do passado.

Não podemos perder de vistas que o Min. Roberto Barroso fez exatamente o que o bicho "macaco" sempre faz, pulou tanto que acabou por levar "chumbo no rabo", ao ofender as Forças Armadas o abutre togado incorreu em crime e neste quesito, o Minstro da Defesa já respondeu ao ministro "vacilão" que pensa que pode tudo, será levado as barras do Superior Tribunal Militar - STM, por ofensa as Forças Armadas, artigo 219 do Código Penal Militar. Ali tem café no bule "vacilão", agora você com sua arrogância var ver a "onça beber água".

Ofensa às fôrças armadas

         Art. 219. Propalar fatos, que sabe inverídicos, capazes de ofender a dignidade ou abalar o crédito das fôrças armadas ou a confiança que estas merecem do público:

        Pena - detenção, de seis meses a um ano.

        Parágrafo único. A pena será aumentada de um têrço, se o crime é cometido pela imprensa, rádio ou televisão.


Viva a liberdade da manifestação do pensamento e de opiniões! Viva Jair Bolsonaro! Viva os homens do bem que vivem para o bem e para o amor! Viva Cristo Jesus eternamente!

da Redação:
Domingos da Paz - Jornalista profissional e advogado.